Vaust

O restaurante que vou falar é tão simpático, mas tão simpático, que atualmente concorrendo pelo posto de preferido entre os exclusivamente vegetarianos de Berlin. Super responsabilidade, né. E boa parte pelo serviço. Mentira, pela cerveja também. Eles fazem a própria cerveja vegetariana. Sei lá, né. Eu sempre achei que cerveja era vegetariana, mas pelo visto

a deles é ainda mais! Fora isso, fazem comida tradicional alemã, só que vega. É tipo melhor dos dois mundos!

vaust berlin

Era um dia de sol, então Axel e eu fomos lá pra um almoço tarde, jantar cedo. Isso é muito confuso pros alemães (que já expliquei aqui que fazem refeições em horarios fixos) e por isso o lugar tava vazio. Foi otimo, porque o garçom ficava explicando cada coisa que ele servia. Tipo, como a cerveja era feita, tinha um antepasto que ele servia com a cerveja, que era um pão (tambem feito por eles, de cevada) com um sal de ervas, que era sensacional. Eu lembrei do Game of Thrones, onde se serve pão e sal pros convidados pra dizer que não vai matar eles e já fiquei com medo de um red wedding… Mentira, eu comi tudo! Tinha ainda azeite pra não entalar com a secura. (se bem que se poderia wash it down com cerveja, como o Tyrion fala)

vaust berlin

Bom, depois de cerveja e pão, eu já poderia ir pra casa, mas chegou a entrada. Tinha um nome sofisticado, porque lá eles são esse tipo de restaurante, com 3 pratos no cardápio a cada mês e todos muito bem feitos. Um prato sazonal e é isso ai. Na pratica eram biscoitos de arroz com um creme (vega, logico) de legume, e umas raspas de kohlrabi, que numa tradução livre, pode ser chamado de um rabanete gigante. É bom e provavelmente chamaram isso de carpaccio de kohlrabi, mas eu não tenho certeza.

vaust berlin

A opção de prato sazonal era aspargo, que é tipico pra primavera. Não precisa nem dizer que nem teve pra ninguém. Aspargo =❤! Detalhe que não é o aspargo verde, que aqui se chama de espanhol, como a gente tá acostumado a ver no Brasil. É aspargo branco e grandão, de sabor mais suave. Esse é o que se encontra normalmente aqui, embora seja possivel comprar o verde importado. Acho os 2 igualmente bons, mas esse combina mais com o prato, que incluia: batata (obvio) e filé de seitam (feito pelo restaurante tambem) e por cima de tudo um molho vegan de ervas. Delicioso!

vaust berlin

A comida era tanta, que nem consegui encarar uma cobremesa. E eles tinham! Fica pra uma proxima vez. Ali em cima, tem uma foto da parede de azuleijos que tinha no lugar, que eu amei. Azuleijos são otimos e dão um sentimento de aconchegado. Fica o saldo do Vaust como lugar de atendimento incrivel e fofo, comida bem servida, gostosa e feita com carinho e ambiente acolhedor. Essa da comida, dá pra saber, porque no final  o cozinheiro vem e pergunta se gostou. Amor, né! É gourmet, mas sem preço de gourmet, porque cara.. não dá nem perto de um sushi sujo no Rio. Os pratos de aspargo com seitam, bio, vega e tudo o mais, custavam 15€ , pratos menores media de 5€ e cerveja de meio litro incriveis 3,70€. Se eu ainda disser que fica bem perto de uma estação de S-bahn, vamos pra lá tipo.. agora?? (é a savigniplatz, em caso esteja se perguntando)

Um comentário sobre “Vaust

  1. Legal, vou adicionar à lista de desejos! Amo aspargos.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s