Yellow Sunshine

yellow sunshine

Senhoras, senhores e senhoria, vos apresento hoje no Veg Berlin o melhor veg burger do mundo!

Ali em frente do parque mais sujo e hype de Berlin, na calçada toda bundalada e descolada, entre as outras várias opções vega de kreuzberg, tem uma lanchonete cheia de punkosos, hipsters, turistas, hyppies bio e berlinenses originais convivendo em perfeita harmonia e mostrando que o mundo pode ser um lugar bio, vega, fair trade e feliz! (pra quem tem dinheiro pro burger, obviamente)

yellow sunshine

 

Entre as divesas opções do cardápio, tenho que confessar minha totalmente parcial preferência pelo tal do fish vega burger, com veg maionese e saladinha. É incrível, gente. O treco tem até textura de peixe. É o poder! Pra acompanhar essa maravilha toda, a batata gordurenta bio e delicia, com ketchup – ora por quê não – também super bio. Nesse dia, resolvi experimentar uma nova bebida de mate, que aqui em Berlin tá na moda faz tempo. Essa é uma das que mais gostei, como tudo dessa marca. Você pede sua comida, te dão um numero e depois te chamam pra buscar. Vem assim, na bandeija sem frescura e firulas, pros punk poder comer sem culpa burguesa.

yellow sunshine

O Axel não tava com super fome e pediu um tiramisu vega, que ele disse gostar bastante. Eu não gosto de tiramisu, então não provei pra dizer. Acho que não combina alcool e doce ou café com doce, mesmo gostando daquela bala de café. Vai entender, né. Até expresso tem lá!yellow sunshine

A variedade de burgers é realmente incrivel, divididos entre os veganos e vegetarianos. Comprando o sanduiche num combo com batata ou salada e refresco sai a uns 8€, que apesar de ser mais caro que a concorrência e demorar pra caramba pra ficar pronto, vale cada centavo e minutos gastos. Você ainda pode pegar sua bandeija e levar pras mesas do lado de fora, se tiver tempo bom. Depois é só não esquecer de levar sua bandeija de volta!

yellow sunshine

Depois de comer seu burger e ficar com a barriga feliz, pode se aventurar no parque sujinho pra tentar comprar uns toxicos com os mil traficantes de lá, sentar no gramado desviando do lixo que as pessoas deixam por lá, ou explorar o bairro de Kreuzberg em outras cercanias. Andando pra direção de schlesisches tor, tem varios bares e cafés descolados e menos lixo e bocas de fumo do que na direção do Kottbusser tor. Tem muita opção de balada também pra ambas direções, mas eu ainda iria pra primeira, onde as coisas são mais arrumadinhas.

Nesse dia, depois do burger, eu fui praqueles lados em uma festa de batalha de hip hop em alemão que era muito bacana. Eu tenho problemas com a bagunça desse bairro porque os alemão em geral acha super descolado e eu acho sujo e muitas vezes bem perigoso; mesmo assim tenho que dar o braço a torcer e admitir que massa critica de skate, só em kreuzberg mesmo. Não dá pra vir a Berlin e não conhecer o bairro.

schlesisches tor berlin

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s