Neontoaster

comida vegetariana berlin

Feliz 2016! Espero que tenham um ano muito legal, cheio de coisas boas e comidas (vegetarianas) super gostosas!

Pra voltar à tradição VegBerlin de começar o ano com um brunch legal, esse ano fomos à Wedding! Uma amiga do Axel super vegana e conhecedora de Italia deu a dica do café, que é justamente vegetariano e italiano. São 2 designers que colecionam moveis e louças vintage da alemanha oriental e fazem um brunch sensacional! O melhor é que se pode até tomar um limoncello no final! Continuar lendo

Natal vegetariano

Tem uns dias uma amiga super querida me pediu umas dicas de ceia de natal vegetariana, porque mesmo que ela coma carne, ia receber uma vegetariana na casa dela. Achei esse um tema super interessante, e resolvi pesquisar sobre. Eu já tinha umas idéias pra testar esse natal, mas fiquei ainda mais surpresa com as novidades! Vou contar:

comida vegetariana natal berlin tofurky Continuar lendo

Rübengemüse, Grünkohl e Pinkel

comidinhas do inverno – pt.1

Quando as temperaturas lá fora estão caindo, aqui na Alemanha começa a epoca das comidas gostosas do inverno. Tem certas coisas que só fazem sentido comer nessa epoca, sejá por que só crescem entre outono e primavera ou simplesmente por que tem um valor calorico bem mais alto. E como nós nos paises frios sabemos bem: pra aquecer o corpo precisa queimar energia :-).

IMG_20151205_160610_1

Beterraba e outros raizes – comida tipica do inverno alemão

Continuar lendo

Hurricane festival

Parece que o outono se instalou definitivamente por estas terras e o inverno está ali na esquina, dando razão ao Ned Stark mesmo. Começo, então, a postar aqui minhas andanças do verão e lembrar que bom era, ai ai…

hurricane festival comida vegetariana

Pela Europa, é grande a cultura de festivais, onde se acampa por uns 3 dias e fica o dia inteiro veindo show. Tem festival pra todos os gostos, de rock, de metal, de eletrônico, de medieval, de world music, é só dizer o estilo de musica e tem um festival equivalente. Eu sempre quis tentar essa coisa de acampar e ficar lá e tal, mas me parece que a epoca pra se fazer isso é lá pelos 20 anos, então eu meio que cheguei aqui atrasada. Não tinha companhia e por outro lado, muito medo da sujeira. Resolvi os 2 problemas de uma vez só: aceitei um job pra trabalhar num dos festivais de rock mais tradicionais aqui da Alemanha, o Hurricane, que acontece sempre em junho numa cidadezinha entre Bremen e Hamburgo. Eu serviria cerveja pras pessoas, assistia uns shows, ficava num acampamento separado, conhecia pessoas durante o trabalho e até deu pra ganhar um troco. Valeu a experiência! Continuar lendo

Earth Café

E Marrocos continua dando assunto, hehe! Esse restaurante merecia um post, porque é o unico exclusivamente vegano que vi por lá. Como já comentei, se come bem em Marrocos, sendo vegetariano ou vegano. Só que de fato é diferente quando o lugar se preocupa em fazer uma culinaria vegetariana. Mesmo que tenha gostado de todos os lugares em que comi, esse o Ryad vegetarianos, foram outro nível de maravilhosidade. Sem comparação.

earth cafe marrakesh Continuar lendo

Wahrhaft Nahrhaft

restaurante vegetariano berlin

Hiieeeee! O VegBerlin está de volta com uma dica boa pra um lanchinho de tarde. O nome deste café é uma piada linguistica, porque os alemão adora isso. Essa aqui, se fosse traduzir seria tipo nutritivo de verdade. Eu tentei usar palavras de rimassem, mas não consegui, que chato. Enfim, o lugar quer ser saudável, e ainda oferecer tudo fairtrade, com ingredientes de qualidade, orgânicos e da região. Muito conceitual! Continuar lendo

The Bowl

The Bowl têm sido um dos restaurantes mais badalados deste ano em Berlin. Eu fui lá e descrobri o porquê!

Pra começar fica na sobreloja do super duber supermercado vegano Veganz, que já falei aqui. Do lado dele, depois que se sobe a escada, tem uma loja de sapatos veganos, a Avesu, que tem lá do lado do mercado de PrenslauerBerg também. A diferença é que esse mercado está bem na Warschauer strasse, uma das regiões mais hype de Berlin, e por isso bombou bem mais que o primeiro. Por último tem o fato que não consegui me decidir entre só uma das fotos que tirei pra introduzir este post, porque todas as fotos de comida são igualmente sensacionais. Acho que é suficiente dizer que a fama é bem merecida e assim está bem. Continuar lendo

Café Clock

cafe clock marrakech

Marrocos voltou, porque as comidinhas de lá realmente eram muito boas. Esse restaurante deixou saudade, pela comida, pelo serviço, pelo ambiente e até pelo preço! Na verdade não sei nem se caracteriza como restaurante, porque eles servem comida, ok; mas além disso, oferecem curso de cozinha, linguas e outros, apresentações de dança e musica, e demais eventos culturais. Tanto em Fes (que é o primeiro), quanto em Marrakesh, são centros de encontro do que eles chamam de “comunidade expat”(riada) de Marrocos. É uma versão um pouco mais ocidentalizada da coisa, eu acho. Continuar lendo

O melhor cheescake de Hamburgo e outras delicias no “Mamalicious”

O velho porto de Hamburgo, hoje ponto de saide de passeio de barco e ótimo lugar pra passeiar e ver navios passando.

O velho porto de Hamburgo, hoje ponto de saida de passeio de barco e ótimo lugar pra passeiar e ver navios passando.

Hamburgo não é só uma cidade portuaria no norte da Alemanha com muita historia. Hamburgo é um universo proprio de varias cenas culturais cheio de influencias de todo lugar do mundo. Localizado na beira do rio Elbe, que nasce na Republica tcheca, cruza a Alemanha inteira e corre na direção do mar do norte, Hamburgo conecta o sul e o interiror da Alemanha com o Atlantico. Continuar lendo

Veg in Marrocos

Inxalá! O VegBerlin visitou Marrocos e não achamos a Jade! Também não voltei com muito ouro, mas comi muito bem, obrigado.

Marrocos vegetariano

Por mais que em Marrocos não exista o conceito de vegan, pelo menos não como aqui em Berlin, que significa alternativas ao leite, tofu, bifes de seitan e sei lá mais o quê, Marroquinos são extremamente amigáveis e sabem como ninguém como receber. O maior conselho que se pode dar pra alguém indo ao Marrocos é: avise a todos que você é vegetariano, e eles vão dar um jeito e servir algo sensacional. Na rua, no restaurante, onde você for dormir, fale, se comunique, e ele te contam se tem carne, se tem leite e se tiver, onde você arruma algo legal. Só cuidado na hora de pagar! Mas isso é outra estória… Continuar lendo